Programas de Visitação
PARA CADA INDIVÍDUO UM NOVO MUNDO SE REVELA

 EDUCAÇÃO AO AR LIVRE

3 dias / 2 noite

Público alvo: crianças do 7º ao 9º ano escolar  Temas:                                                         - Dinâmica de Grupos Operativos de        Pichon-Riviére; plantas e animais silvestres, geologia e cultura ancestral como temas centrais; observação da natureza estimulado pela busca do conhecimento; desenvolvimento da autonomia, colaboração e ressignificação de valores de vida e consumo; vivências que buscam explorar os objetivos por trás das ODS 7, 12, 13, 14 e 15; equipe de naturalistas experientes e envolvimento ativo de pais e professores.

foto Alejandra Villalobos
foto Alejandra Villalobos

PONTES CULTURAIS 

Day-visit (10h às 16h)

Público alvo: crianças do 3º a 9º ano escolar.  Yawaritsawa vive na Reserva Volta Velha, mas é natural do Parque Indígena do Xingu-MT das etnias Waurá e Trumai. Neste programa as crianças participam de contação de histórias do Xingu, danças, pintura facial, demonstração de arco e flecha e caminhada na trilha Apecatu. A visita ao Sambaqui da Reserva serve como elemento de reflexão entre a cultura indígena atual e os extintos povos sambaquianos.  

EXPEDIÇÃO VIEFLORA

2 dias / 1 noite 

Público alvo: grupos de adultos/famílias e crianças.                                                            Experiência de lazer com um pernoite, envolvendo visita ao sambaqui, roda de fogo com contação de histórias, canoagem pelo rio braço do Norte, caminhada pela alça de cima da trilha Apecatu e ótimas refeições.  Dois dias inesquecíveis para grupos de amigos e empresas. 

foto Zig Koch
foto Zig Koch

OBSERVAÇÃO DE AVES

BIRDING

Grupos de observadores de aves de vários países frequentam a Reserva Volta Velha para observação de aves. A lista de aves já está próxima de trezentas espécies, dentre as quais as endêmicas ou raras desta região que é o principal foco de interesse destes observadores (bicudinho do brejo, maria catarinense, patinho gigante e saíra sapucaia).